terça-feira, 26 de abril de 2011

Era uma vez 20 - Recomeçando (Diário da Mirys)

Nós tínhamos começado a namorar de um jeito lindo, melhores amigos com benefícios, já tínhamos uma história juntos, já gostávamos muito um do outro.

Acho que foi só por isso que eu topei começar aquele namoro! Porque, sinceramente, depois de todo o desgaste do último relacionamento, eu estava “cansada”. Ou deveria dizer “preguiçosa”????

O fato era que eu gostava muito da família do meu namorado anterior, dos amigos dele, do mundo dele, onde eu já estava completamente inserida. Eu já conhecia todo mundo e todo mundo me conhecia. Dava pra sair um dia de calça jeans, camisetão e rabo de cavalo (eu fazia isso sempre! Vergooonhaaa...), que ninguém iria ligar! Se um dia (por milagre!), eu não fosse a mais falante e extrovertida, ninguém iria falar pra ele não investir num relacionamento com aquela menina anti-social porque ele JÁ TINHA um relacionamento comigo! Eu já sabia comidas prediletas, lugares especiais, cores preferidas, o que eu podia e o que eu não podia falar. E vice-versa!

Quando eu terminei aquele namoro, só de pensar em começar outro, eu já ficava cansada! Imagina ter que me vestir direitinho pra encontrar a sogra? Imagine não poder andar descalça pela sala “só pra buscar o balde de pipoca” da mesa pro sofá? Imagine ter que “fazer sala”? Ter que conhecer (e ser conhecida e – com sorte – amada) a mãe, o pai, a vó, os irmãos, as irmãs, os tios, as tias, os primos, os amigos, o gato, o cachorro e o papagaio de outra pessoa???? Afê! Eu já estava “velha” e sem paciência pra isso!

Fala aí pra mim: quem é que nunca pensou nisso, quando terminou um relacionamneto??? Porque, até onde eu sei, todo mundo sofre disso. De estar "acomodado" na situação anterior (mesmo que não goste dela) e de ter uma certa resitência em recomeçar...

Mas, a gente só “pensa” enquanto não “vive”. Quando a gente deixa a vida acontecer e para de pensar um pouquinho, a coisa toda flui. E eu me vi naquele começo toooodo com o Fer: conhecendo a família, os amigos (que eu ainda não conhecia), os hábitos, as manias, os segredos do meu novo namorado! E estava feliz pra burro fazendo tudo aquilo, de novo! Eu estava vivendo (e, não, pensando) uma história nova!

Com uma semana de namoro (mesmo escondido), eu estava em alfa e todo aquele trauma das histórias mentirosas que contaram sobre mim e o ex já estavam ficando no passado... até que o Guilherme chegou em casa...

Cenas do próximo capítulo aqui

6 comentários:

ANA disse...

MIRYS,ontem mesmo estava conversando sobre isso com minha atendente,ela namora ha´5anos e falou;ja´pensou,terminar e comecar tudo de novo?SAir,ir p baladas,ja´´ sei o jeito do meu namorado...mas e´assim mesmo!QUando namorava tbem passava isso pela minha mente,mas no fundo,eu sentia que ali estava minha metade da laranja.bj

Mirys + Guigo + Nina disse...

Ana:

Não é mesmo "uó" ter que começar tudo do zero? Colocar roupa bonitinha pra ir na casa dele, conhecer aquelas tias de loooonge, frequentar bodas de ouro dos avós dele e sorrir para uma familia inteira que você não conhece?

Cansa só de pensar... kkk

Bjos e bençãos.
Mirys

Mima Godoy disse...

Nossa Mirys...vc descreveu exatamente o q senti qdo terminei meu primeiro namoro, e logo na mesma semana conheci meu atual noivo com quem me caso esse ano, e foi exatamente assim q pensei, quase q impaquei esse novo relacionamento pelo medo de começar tudo de novo,construir do zero.Graças a Deus fui em frente!, e vc tbm!

saninha disse...

Saiba que pensei muito na sua historia, ela pareceu uma novela de verdade, muito bom tudo que voce viveu, muito magico.Isso prova que existe amores verdadeiros. bjs

Megs disse...

Nossa, e como é.............
A gente as vezes nao se permite viver coisas incriveis por puro medo ou preguiça.......
Mas ai, a mao de deus é sp maior..........
bjs

Kinha disse...

rEALMENTE, ESSA "RESPONSABILIDADE SOCIAL" É DE DESANIMAR QUALQUER UM. e EU TIRO POR MIM QUE SÓ NÃO SOU MAIS ANTI SOCIAL PORQUE SOU UMA SÓ. NA VIDA REAL SOU BEM DIFERENTE DE NO BLOG. qUASE NÃO CONSIGO CONVERSAR COM AS PESSOAS. JÁ NA NET FICA MAIS FÁCIL. ACHO QUE ESCREVO BEM MELHOR QUE FALO.