quarta-feira, 16 de março de 2011

O sonho (Diário da Mirys)


De novo, o mesmo sonho...
Eu converso com alguém.
E me lembro que o Fer está preso.
E digo que eu não fico falando muito disso em casa.
Pra hora em que ele voltar, ficar mais fácil a readaptacão.
Afinal, as criancas são pequenas...

E me lembro que não fui visitá-lo.
Acho que ele deve estar sentindo a minha falta.
Acho que ele deve ter emagrecido, como aconteceu quando eu viajei muito tempo.
Penso: que espécie de esposa eu sou?
Que não vou visitá-lo!
Que não vou dizer que ainda o amo!
Me programo para ir imediatamente e garantir que estou ali, esperando.

E acordo assustada.
Com um nó na garganta.
Um peso no peito.
E as perninhas das criancas em cima de mim.
As 4hs da manhã, elas já "pularam" para a minha cama.
Não dá pra dormir mais...

2 comentários:

Anônimo disse...

Jamais podemos desistir pelo fato de obstáculos aparecerem em nossos caminhos.Ainda existe Esperança!

Precisamos lembrar que os obstáculos são colocados em nossos caminhos para sermos pessoas mais corajosas, persistentes e crescidas.Ainda existe Esperança! (E ESTÁ DANDO CERTO COM VC)

Por este fato, jamais desista de acreditar que existe esperança para o obstáculo que você estiver enfrentando neste momento.

Siga em frente de cabeça erguida crendo que em breve este obstáculo será ultrapassado. E, lembre-se: Ainda existe Esperança!

danibadanai disse...

Acredito que isso seja mesmo angustiante.. só de ler me deu um aperto no peito...
Diversas crenças teriam diversas teorias para tentar explicar, mas eu acredito que seja "apenas" você, seus sentimentos, tentando adaptar-se à falta que ele faz...
Acredite que é ele quem virá lhe visitar, em sonhos, mas como ele fez visitando a minha casa, vai visitar a sua...
bjs
amo vocês!