domingo, 12 de dezembro de 2010

Ponto para o Guilherme!!! (Diário da Mirys)


Eu nunca me esqueço de um comercial em que o genro fazia elogios à sogra, ao sogro, à comida, e embaixo do cara tinha um contador que, a cada elogio, girava um pouco mais e dava mais pontos para o tal namorado da filha que tentava conquistar a família. Desde então, sempre que alguém faz algo muito legal, eu me lembro do comercial e imagino um contador de pontos na pessoa, mostrando que ela está subindo de nível no meu mirianômetro!

Nesse final de semana, foi o Guigo, o grande merecedor de todos os pontos possíveis!!!

No sábado, eu, sem nenhum intenção, tinha feito algo do qual ele não tinha gostado. Como não dava para desfazer, eu me virei para ele (que estava com os olhinhos cheios d´água) e disse: "filhote, prometo que, da próxima vez, eu faço diferente. Desta vez, você me desculpa?". Suspiro fundo, respirava, controle do choro que já estava querendo transbordar e ele olha para mim (com os olhos verdes/vermelhos mais lindos que eu já vi!): "claro, mãe. Você não fez por querer." "eu te amo, filho." Respiro, outra olhada e "eu também te amo, mãe. Muito mesmo." E ponto para o Guilherme!!!

Na hora do almoço, na casa da vovó Mirtes, eu peço para ele almoçar primeiro, enquanto a Helena joga no meu laptop que, depois, eu trocaria (ele nos joguinhos e ela, almocando). Já estava me preparando para um chororô do tipo "não é juuuustooo", "ela já jogou muuuitooo" ou qualquer coisa assim. Mas, propus o combinado e disse: "então você topa, Gui? Você vem almoçar agora?". Resposta: "lógico, mãmi. Ela é minha irmãzinha e precisa praticar um pouco. Posso almoçar rápido e ensinar para ela o jogo das bolinhas? Para ela ficar mais rápida com o mouse (que, no nosso caso, é um mousepad)?". E ponto para o Guilherme!!!

À noite, na casa da vovó Dina (fomos pra Bauru), troquei os dois, escovei dentes, lavei pés, arrumei camas, coloquei os dois na cama, fiz cosquinhas em um, fiz cosquinhas no outro que "ficou com ciúmes", preparei leite e água ("bem gelada! Com gelo, mãe!") e os deixei com a vovó para as famosas e esperadas "histórias da memória". Sentei na sala para assistir qualquer coisa que estivesse passando, pois precisava descansar a cabeça. Eis que, meia hora depois, surge o Guigo na porta: "mãe, posso ir até aí só pra te dar um beijo?" "filho, você já tinha que estar dormindo!" Ainda parado na porta "posso ir até aí te dar um beijo?" Suspiro fundo (meu, desta vez): "pode, filhote, pode." Ele veio. Smach! "Mãmi, você tinha esquecido do nosso beijo de boa noite. Como você (EU!!!?????) ia dormir sem ele? (como????? como???? como????) Agora, pode voltar para o seu filminho, mamãe, que você também precisa se divertir." Ponto para o Guilherme!!!!!

No domingo, no almoço do shopping, meu lanche foi o último a ficar pronto. Todos comeram, tomaram sobremesa, e eu lá... O lanche chegou, comecei a comer e acabou a coca (mas eu podia pegar mais). Então, chacoalhei o copo para ter certeza de que não tinha mais nada e... "mãe, você precisa de mais coca?" "A minha acabou, filho, mas eu vou lá buscar." "Pode deixar que eu vou pra você, mãmi!" Como não dava para deixa-lo andar no shopping lo-ta-do sozinho, fui junto. "Filho, você ia mesmo buscar mais coca para mim?" "Claro mãmi! Você é a minha mamãe e os filhinhos devem cuidar das mamães. E você é a melhor mãe do mundo..." PONTO PARA O GUILHERME!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Tive que esmaga-lo!!! Desculpem-me pediatras de todo o Brasil e aqueles que não são adeptos a muito carinho para crianças, pois "podemos estraga-las", "mima-las", etc, mas EU TIVE QUE ESMAGA-LO MUITO!!!!!!!!!!!!!!!!!

6 comentários:

Anônimo disse...

Não basta ser bonito né guigo? rsrsrs

Que graça de menino...

ótima semana Myris.

Beijos,
Misla.

Nana disse...

E está certissima... certas crianças m-a-r-a-v-i-l-h-o-s-a-s - como é o caso do seu filhote - merece mesmo esse tratamento de choque de muito amor, carinho e mimos....rsrsrs.
Bjs e fiquem com Deus.

Talita disse...

Ai que lindo!!!
Fiquei emocionada com tanta gentileza, carinho e amor de um menininho pra com a mãe!!!
Imagino vc, heim!!!
Que Deus continue os abençoando!!!
Bjs
Talita

Matheus Augusto disse...

Aos poucos eles vão crescendo, nos surpreendendo com palavras e atitudes e a gente vai avaliando se o caminho que usamos está certo. Que momente delicioso vcs viveram neste dia em especial...

Dani Carnavale disse...

Isso tudo que o Gui fez mostra o quanto ele é amado por você.

Criança é muito transparente. Se ele recebe amor ele só pode retribuir amor.

Parabéns pelo lindo filho que tens e pelo grande homem que ele será.

Beijos Dani - RJ

Camila disse...

Acho melhor marcar mais dois pontos... 6a feira passada ele estava aqui e servi de cafe da tarde mini panetones para os três 'grandes': João Vitor, Guigo e Helena, pois a Maria Clara estava dormindo. A Helena disse que não gostava das frutas, então cavocamos e ela comeu um pouco sem as frutas. Minha mãe resolveu fazer pão com requeijão e os três pularam pra pegar, e o panetone ficou abandonado.
Minha mãe foi tirar os panetones e perguntou: vc não quer, Guigo? Ele correu garantir o dele semi-intacto: eu não, mas vou levar pra ver se minha mãe quer... e levou mesmo!
Depois, um pouco mais tarde, num momento de pura diversão entre primos, o Guigo soltou: Helena, a gente podia vir morar aqui com o João Vitor! (leia: na casa da vó do João Vitor).
Minha mãe mais que depressa: mas vocês dois podem mesmo mora aqui! Ele arregalou os olhos e soltou: mas minha mãe também, né??
Estamos com muita saudade dos pequenos...
A propósito, vc gostou das florzinhas da sessão manicure com a Helena e a Maria Clara? Pena que eu só tinha 'rosa claro', ela gosta de 'rosa forte'... vou precisar providenciar pra próxima! rs
Bjo pra vcs,
Ca