quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Me devolve a bola, por favor? (Diário da Mirys)


Tem dias em que dói tanto, tanto, que a ausência é tão presente que eu confesso que olho para cima e digo "me leva no colo, por favor. Porque, por mim, eu puxava a cordinha e pedia para descer desse ônibus".

Em outros dias a vida é linda, pássaros cantam na minha janela, um colega elogia meu cabelo, ganho dois beijos de bom dia antes de sair de casa e dá aquela impressão de "o que foi que aconteceu, mesmo?". Fica parecendo que eu perdi uma parte da minha própria vida e que, agora, vou ter que voltar o filme para entender...

É assim porque eu acabo me contentando com pouco. Ou com nada, muitas vezes. Porque perdi meu "tudo". Então, se a bola é minha e a brincadeira só existe por causa da minha bola, me devolve a abençoada, por gentileza, que eu quero voltar para casa??? Não quero mais brincar de ser viúva! Não quero mais brincar de ser mãe sozinha. Não quero mais brincar de ser forte, e sorridente, e "perfeita", e concentrada, e trabalhadora, e linda-leve-e-solta. Porque eu não sou! Não sou nada disso.

Sou alguém normalzinha. Que é fraca, que chora, que sofre e que, de tanto não querer perder nada, acabou perdendo tudo cedo demais. Alguém me explica por que eu perdi tempo dormindo nos últimos anos, se tinha tanta coisa melhor para fazer E ELAS IAM ACABAR?

I don't wanna close my eyes. I don't wanna fall asleep.
Cause I miss you, baby, and I don't wanna miss a thing!
Even when I dream of you
The sweetest dream will never do!...
And I miss you, baby, and I don't wanna miss...

13 comentários:

Anônimo disse...

Mirys, vc tem uma vida linda, filhos maravilhosos, vc não perdeu tudo!
este sentimento vai passar, pode parecer que não, mas vai passar sim!!!Fique com Deus!!!!Bjus e bençãos(aprendi com vc)!!!

danibadanai disse...

Amore, você não precisa "brincar" de ser nada disso, deve apenas ser você!
No dia em que estiver forte, seja forte... no dia em que estiver triste, seja triste e assim por diante.. é muito importante pra gente saber o que você está sentindo..
A bola pode até mudar a cor, de estampa, mas continua sendo sua! E pode ter certeza que ainda será muito, muito colorida!

Dé disse...

É claro que no fundo eu sabia que você era normal(que bom que é!).Mas confesso que muitas vezes achei que não;justamente por não acreditar que alguem pudesse ter tanta força mesmo com o teto caindo!Mas a vida é assim pra todos...tempestade,chuva,vento,e arco iris.
Acredite nos contos de fada da Nina,no final a mocinha encontra um principe,vai para o castelo e todos são felizes para sempre.
E que assim seja.

Mirys + Guigo + Nina disse...

Anônimo:

vai passar, sim... já tá passando... foi só mais uma daquelas crises de viúva (já leu aqui no blog sobre isso? É até engraçado...)... só que, desta vez, veio forte demais e durou 2 dias!

Bjos e bençãos

Mirys

Mirys + Guigo + Nina disse...

Daninha: acho que vou ter que acabar jogando basquete com bola de volley de praia. Mas, você me conhece... vou dar um jeitinho e ainda sair sorrindo!

Bjos e bençãos.

Mirys

Mirys + Guigo + Nina disse...

Dé: primeiro, bem vindo/a ao nosso time de comentaristas!!!

Depois... cara, você quer escrever minha biografia? Gostei dessa sua versão para o meu final! Ótima, mesmo!

Bjos e bençãos.

Mirys

Mary disse...

Mirys,

meu nome é Mary, a Fernanda Feola me passou o endereço do seu blog. Ainda não tive tempo de ler com calma as histórias que você publica, mas adorei o pouco que vi.
Assim como vc, perdi o meu "tudo" em julho deste ano. Ele não resistiu à uma pneumonia pós transplante de medulá óssea. Quando li o seu texto, em alguns trechos, foi como ter me visto no espelho. Muitos amigos dizem que me admiram pela força, assim como muitos devem dizer o mesmo para você, mas às vezes tudo é extremamente difícil e a gente precisa de colo, não é mesmo?
Queria muito te dizer que pensamos errado quando achamos que "perdemos tudo". Sentimos falta, sentimos saudades da presença física deles, claro... Mas não sei qual a sua crença, porém eu tenho certeza de que eles eram pessoas muito, muito especiais e que nunca deixarão de estar conosco, principalmente nos momentos mais difíceis.
Vc tem uma família linda! E desejo do fundo do meu coração que tudo sempre fique bem! Não fique triste, pois tudo o que ele quer, tenho certeza, é te ver feliz.

ana_claudina disse...

Oi....
Sabe...infelizmente acreditamos que nossos HERÒIS são imortais, e quando DEUS mostra que não....ficamos assim...tristes...querendo que o tempo volte....choramos....tentamos mostras as pessoas que temos o controle da situação....
Mas na verdade são mascaras que colocamos para não decepcionar quem está torcendo para nossa felicidade...torcendo para ficarmos felizes...
Infelizmente nossos heróis não são imortais....um dia eles se vão e nos deixam assim....sem chão...sem teto....sem sorriso no rosto....
MAS...... são HERÒIS....pessoas que serão exemplos eternos...pessoas que jamais serão esquecidas...
Todos nós temos um ciclo, definido antes mesmo de nacermos.. DEUS usa a cada um de nós como seu instrumento.....para mostra as pessoas quem são os nossos HEROIS.
BEIJOS
CLAU

Débora disse...

Que injustiça dona Mirys...
"Dé" como VOCÊ mesmo diz nos email,sou eu DÈBORA ,viu sua doida!!!
Beijos
Deve ter vindo forte mesmo a crise...rs

Débora disse...

Seu jeito de escrever me comove.
E me faz pensar(o que é otimo).
Vou dormir menos...
Estava meio acelerada e não estava dando pra passar aqui,ainda bem que a "novela" é gravada, vou por em dia.
Beijos

Mirys + Guigo + Nina disse...

Mary: bem vinda à nossa "casinha"! Entre e sinta-se a vontade.

Eu sei que não perdemos tudo. Eu sei... Estou até escrevendo sobre 25 coisas imprescindíveis na vida (então, NO MÍNIMO, me sobraram outras 24, não é?). Mas que a sensação é essa, ah, isso é...

Força aí, mulher. E como diz uma amiga minha: se doer, GRITA!!!

Estarei sempre por aqui!

Bjos e bençãos.
Mirys

Mirys + Guigo + Nina disse...

Clau: que prazer poder conhecer uma das leitoras do blog ao vivo, no domingo! É tão bom imaginar um rosto por trás de uma mensagem!...

Menina, se Bauru é tão pertinho, hoje, é porque o mundo ficou pequeno, mesmo! Ainda bem, né? Tem tanta coisa que eu ainda quero fazer que seria triste pensar nele grande demais (viu o post abaixo?).

Bjos e bençãos.
Mirys

Mirys + Guigo + Nina disse...

Dé: vocè é IMPAGÁVEL, amiga!!!!

Sensacional!!!

Você não sabe como o comentário da "novela" me enche de orgulho!

Bjos enormes para você e para as crianças (os do marido, são contigo! Não vou mandar, não! rs)

Mirys