quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Esperança! - Coisas Imprescindíveis da Vida nº 16


Hoje esse blog fica, oficialmente, chique: temos outros escritores dando uma palhinha por aqui! O máximo, não? Convidei a Cele para escrever para vocês porque adoro os textos dela! E porque ela é alguém muito querida: gente boa, pra cima, guerreiríssima, mãe do Matheus e do Thomas, que segura as pontas dela e de mais qualquer amigo que aparecer por perto! E porque, segundo palavras dela mesma, não desiste de ser feliz! Então, sem mais delongas, com vocês: Esperança! By Cele

A Mirys 3 Mosqueteiros lançou a campanha para que todos refletissem sobre as coisas que não podem faltar, de jeito nenhum nas nossas vidas. E eu refleti, conversei com meus botões e descobri que imprescindível mesmo é ter ESPERANÇA.

Não importa por que tragédias, dores, perdas, incômodos e dissabores se passou. O que conta é manter um olhar de esperança em relação à vida. Acreditar que o melhor está no porvir. Acreditar que o futuro trará gratas surpresas. É isso que faz com que as pessoas sigam em frente, mesmo diante de um momento absurdamente infeliz. Muitas vezes, a esperança se perde dentro da gente, se esconde nos nossos recônditos, some diante da crueza dos dias difíceis, mas é preciso encontrar um jeito de retomá-la e colocá-la à frente de tudo, enxergar o mundo através dela.

É a esperança que permite que a gente acredite no impossível, em milagres, na felicidade plena. É a esperança que faz com que a gente sonhe, planeje, projete e torne realidade. É a esperança que dá aquela sensação de que tudo vai dar pé, de que "tudo vai se realizar no ano que vai nascer". É a esperança que faz com que as pessoas estudem, trabalhem, lutem, progridam. Ela muda os tons de cinza dos dias tristes e permite que vejamos apenas o colorido de um futuro brilhante.

A esperança faz cosquinhas no nosso coração partido, quebrado, sangrando. A esperança reanima os doentes, os que perderam tudo. A esperança faz a gente querer superar e ir em frente; faz a gente antever o futuro em que tudo estará bem e em paz. É ela que motiva, que agita, que vibra dentro de quem não tem mais opções. A esperança é um bichinho verde que mora dentro da gente e a única coisa que devemos fazer é permitir que ele viva. De alguma forma, ela dá um jeito da gente não se perder, não sufocar, não ser engolido pelos problemas e desafios que nos são impostos.

Não consegui pensar em nada mais imprescindível que a esperança; porque a gente vive temporariamente sem amor, sem família, sem paz, sem grandes desafios, sem quase tudo. Mas nem temporariamente a gente pode perder a esperança de que tudo, absolutamente tudo, vai dar certo.

MARCELE

4 comentários:

Matheus Augusto disse...

Eu leio o blog da Marcele e a considero uma poetisa com sabor adocicado... há que se ter esperança, sempre! tiaMIGa

Nana disse...

Oie... legal ver uma nova colaboradora por aqui. Fico mais encantada ainda com as palavras, pq assim percebo o estilo de cada um para escrever e expressar seu sentimentos. Mesmo se vc nao tivesse falado, daria pra conhecer se o texto é seu ou não: cada um tem seu estilo e isso é muito legal de admirar.
Adorei o texto e já fui visitar o cantinho dela.
Bjs e fiquem com Deus.

danibadanai disse...

Eu também conheci o "cantinho" da Cele e como você ela é uma pessoa especial...
Que delícia essa tecnologia que nos permite viajar e conhecer outras pessoas!
Beijos para os três mosqueteiros daqui e de lá também..

Mirys + Guigo + Nina disse...

Meninas e menino:

não queria escrever, mas vou: eu lhes disse, não lhes disse?! A srta. Marcele manda muito bem, não manda?

Foi uma honra tê-la por aqui!
Aguardem!!! Teremos novas participações especiais.

Bjos e bençãos.