quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

O que muda, em um ano? by Dani Brito

Tem muita gente bacana nessa blogsfera. Ôh se tem!!! Eu mesma conheço váááááárias pessoas interessantes, inspiradoras, animadas, divertidas. Algumas já tive o prazer de conhecer ao vivo (tipo a Cele! Uhu!). Outras aguardam uma oportunidade (e, em muitos casos, uma passagem de avião)...

Mas, de pertinho ou de longe, dá pra ver quando você se conecta com alguém. Quando dá aquele click! Quando você pensa algo do tipo: "opa! Chegou post novo da fulana no meu e-mail. Vou ler A-GO-RA!". Porque a pessoa tem coisas interessantes demais pra falar e você quer ouvir/ler, quer aprender, quer pensar junto, mesmo que a sua conclusão seja diferente. Mas, gente inteligente tem esse poder: o de te fazer pensar!!!

Nem sei bem porque comecei a ler a Dani ("Balzaca Materna")... talvez tenha sido uma daquelas trocas de gentileza (a pessoa vem, lê seu blog, deixa um comentário e você vai lá no dela, fazer o mesmo). Mas eu sei exatamente porque eu continuei a ler a Dani: porque ela é desse tipo de gente interessante além da conta, que eu falei aí em cima!!!



Acredito que nossa vida é permeada de acontecimentos diários que te permitem o crescimento. Para percebê-los, no entanto, devemos estar receptivos ao aprendizado.

Podemos aprender com pessoas, com situações, com duros golpes, com perdas, com ganhos, com amor, com dor, com felicidade e com tristeza. Nenhuma delas é ruim, quando se acredita nos propósitos da vida e quando as encaramos como um pacote.

Esse ano, como em todos os outros, aprendi muito. Mas esse teve um quê bem especial, porque antigas questões, que julgava superadas, voltaram com força total. Sinal de que não estavam tão superadas quanto julgava. Então, arregacei as mangas, olhei na cara do inimigo e medi forças. Sofri, claro. Mas agora sim, posso dizer que virei a página. Aprendi que fugir não significa superar. E que um ferimento só deixa de doer, quando muito bem cicatrizado.

Aprendi que podemos nos inspirar, que podemos buscar motivação, mas que a força, aquela única capaz de mudar, só vem de dentro. Vem de mim.

Agora, há pouco menos de um mês, encontrei uma listinha de desejos que havia feito para ser cumprida durante todo esse ano. Fiquei pasma, pois nada que havia escrito nela havia sido ticado. Não havia feito nada. Com vergonha, decidi vencer a preguiça, deixei o comodismo de lado e não resolvi protelar para o próximo ano, algo que poderia ter começado hoje.

Assim, peguei meus filhos pela mão e os levei para escolher um esporte. Como escolheram a capoeira, um sonho antigo meu, resolvi também me matricular. Uni a necessidade com o prazer.

Ah, o prazer! Como é bom estar em sintonia com ele. Prazer e paixão nos deixam mais motivadas, mais alegres, mais confiantes, mais seguras.

Também passei a mão no telefone e marquei todas as consultas que estavam pendentes há meses. Cuidar de mim, para depois cuidar dos outros. Que mania essa que temos de nos negligenciarmos! Que mania essa de achar que abnegar de cuidados em detrimento dos outros, é prova de alguma coisa. Eu hein!

Pequenas atitudes como essas, podem mudar e muito a qualidade de vida. Ao passo que evitamos a procrastinação, que é meu grande defeito.

Mudar bem para mudar sempre. Esse é meu lema.

Nesse ano, aprendi que devo reconstruir o meu feminino, que devo estar em conexão comigo mesma. Busco coisas que me deem prazer, afasto aquelas que me fazem mal, pergunto o porquê de me sentir incomodada com outras...revejo e aprendo.

Espero que esse ciclo não chegue ao fim.

A vida segue sempre em frente.

A todos vocês um Feliz Natal e que tenham um Ano verdadeiramente Novo.


Você ainda não conhece o "Balzaca"??? Não sabe o que está perdendo!!! Além do mais, o blog está de cara nova, todo cinza e amarelo (eu ando in love com essa dupla), cheio de links especiais... corre pra lá!

E à você, Dani, que me deu a imensa honra de escrever um texto especial para o meu cantinho, o meu ETERNO MUITO OBRIGADA!!! Por favor, continue a escrever sempre, a nos brindar com seus raciocínios fantásticos, a lutar pelo que acha certo, a ser essa mãe tão especial para os meus dois "sobrinhos" que eu gostaria muito de conhecer! Coloca uma "visita pra Mirys", na sua listinha de coisas a fazer de 2013????

5 comentários:

Debby disse...

Lindo, maravilhoso e fora de série como tudo que nasce e acontece com a Dani.
Leio sim e muito o blog dela.
Que aliás foi ela quem me ajudou no primeiro comentário que fiz aqui nos mosqueteiros. E não conseguia finalizar.

Adorei e alguma coisa mudou lá em casa seguindo algumas dicas da Dani

Bjs
Debby :)

Dani Brito disse...

Nossa, tão bom estar aqui. Além de ter a honra de ter um texto publicado no seu blog, ainda tem toda essa homenagem. Fiquei emocionada.

Mirys, obrigada.

Beijo grande

Liliane Arend disse...

Muito bom mesmo ... também adoro o blog dela :D
recebeu o meu email?
bjo
Li

Lana Ludmila disse...

É tão bom compartilhar deste sentimento bom que nos rodeia nesta época do ano...é cheio de reflexão, acima de tudo!
Adorei o texto. Propus a mim mesma mais algumas mudanças para o ano que se aproxima. Vou tentar ticar mais alguns itens da minha lista até o último dia deste ano... porque já estava no clima de deixar pro ano que vem... :) O texto da Dani me ajudou a perceber que ainda há tempo de fazer e acontecer!
Um super beijo para a autora da texto e outro para a dona do blog. Beijossss

Claudia disse...

Oi Myris!
Que delicia de post.
Parabens pra Dani (adoro o blog dela tbe) e pra vc, pela inciativa.
Aproveito para desejar um 2013 fantástico para vc e sua linda família!
Bjks mil

http://blogdaclauo.blogspot.com.br/