domingo, 23 de outubro de 2011

A lua da mamãe (Diário da Nina)

Todo mundo tem uma coisa preferida na vida. A da minha mãe é a lua. Mais do que as estrelas. Mais do que o sol. Mais do que as árvores. Minha mãmi gosta da lua. Sempre gostou! Ela adorava ficar com a gente, na rede, à noite, lá na casa velha, olhando o céu, balançando e olhando a lua. E músicas? Ela sabe muitas músicas de lua!!! Desde uma que a bibi Maria cantava pra ela, quando ela era do tamanhinho de uma "baby alive".

O acidente do pápa aconteceu numa noite de lua cheia. Eu não liguei uma coisa à outra, na hora. Na verdade, nem a mãmi sabia que era noite de lua cheia. Ela só saiu para encontrar meu pai... e não encontrou mais. E a gente (eu e o Guigo) só ficou sabendo no dia seguinte...

Então, duas noites depois do acidente, enquanto a mãmi conversava com a vovó alguma bobagem, na cozinha da nossa "nova casa" (a gente ficou morando com a vovó por uns dias), eu percebi uma coisa importante! Muito importante! E fui interromper a conversa da mãmi com a vovó...

(imaginem uma menina de 3 anos, puxando a saia da mãe - mania que tenho até hoje)
"Mãmi... quando o papai morreu era de noite, não era?"

A mãmi respirou fundo, abaixou e disse que, sim, era de noite. E ficou me olhando, sem entender o meu raciocínio. Ela achava que eu fosse ficar brava porque ele tinha ido embora de noite e ela só tinha me contado de dia. Mas, eu completei:

"Mãmi... e como você vai fazer agora?". E ela me olhou com um ponto de interrogação no rosto. "É, mãmi. Porque de noite, tem a lua, que você adora!"

Então, antes que isso se tornasse incompatível para a nossa mãe (a lua, a noite e o papai), nós decidimos que, agora, o papai mora na lua. E toda vez que a gente vê a lua, a gente manda um beijo pra ele! Em alto e bom tom. Mesmo 1 ano e 9 meses depois.

Agora, as duas coisas preferidas da mamãe ficam sempre juntas!...

PS da mamãe: eu já devia ter escrito esse texto, há muito tempo, porque algumas coisas devem ficar registradas (para os pequenos, no futuro, conhecerem a história deles)... mas eu não consegui. Desculpem! Agora, estou melhor.

3 comentários:

Danny disse...

Não peça desculpas.
Vc é uma mulher de muita fibra.
Cada letrinha sua consigo retirar muitas lições de vida.
Obg por compartilhar conosco algo tão pessoal e que nos emociona muito.

Que Deus continue confortando seu coração e dos seus filhos.
Estarei sempre aqui, gostei muito do seu blog,estou te sgeuindo.
Desejo uma semana abençoada.Bjs

Cristiane Aguiar disse...

Mirys, beijo minha linda, boa semana e que Deus continue olhando por vocês. Amo o seu escrever.

Andrea Fregnani disse...

Eu tb adoro a lua, e com certeza vou lembrar de uma garotinha fofa que tem um pai que mora lá na próxima vez que olhar pra lua no céu,
bjs