quinta-feira, 16 de maio de 2013

Cada dia conta! (Diário da Mirys)

Ás vezes, você vai vivendo a sua vida tranquilo, do mesmo jeito de sempre, passando correndo pelas coisas e pelas pessoas, esperando "o final de semana". Ou "as férias". Ou qualquer outro "grande acontecimento", onde supostamente as horas (as mesmas 24 de todos os outros dias) serão mais especiais. E nessa rotina, você acaba vivendo 52 sábados e 52 domingos, ao invés dos 365 dias de todo um ano. Ou apreciando apenas os 30 dias de folga e tempo com sua família, ao invés de todas as horas de todos os dias que você tem com os seus (mas que não aproveita porque são "normais").

Então, em alguma esquina desta vida, você conhece alguém que vive ao máximo, que valoriza tudo, que aprecia uma xícara de chá numa salinha à meia-luz, com uma avozinha que já tem a memória fraca DO MESMO JEITO que aprecia uma taça de vinho com o namorado na frente da torre Eiffel! E se pergunta: "como??? Como essa pessoa consegue??? Será que ela "não percebe" que estar em Paris é "bem melhor" do que numa cidadezinha do interior do Brasil??? Santa ingenuidade..."

Só que a pessoa segue feliz. E você segue esperando pelos grandes momentos.

A única diferença entre vocês é a perspectiva. Pra você, a vida tem que ter roteiro especial, alguns gastos a mais, sabores especiais, cenários de filme, trilha sonora adequada pra "acontecer". Pra ela, essa pessoa "ingênua", a vida não precisa de nada disso. A vida acontece! Aqui e agora. E, se não tem roteiro especial, ela cria! Se não tem gastos a mais, ela se satisfaz com o que tem. Se os sabores não são de iguarias, ela aprecia o chá da avó e aproveita pra fazer uma viagem mental à infância. Se o cenário não está perfeito, ela leva flores, ela troca a toalha da mesa, ela pinta uma tela e pendura na parede. Se não tem trilha sonora, ela liga o rádio (ou "liga" os ouvidos e curte o canto de um pássaro, o barulho do vento, a voz da sua avó).

Essa pessoa ingênua sabe que cada dia conta e que eles são preciosos demais nas nossas vidas! Um dia a mais que você passa correndo, esperando pelo final de semana, é um dia a menos que você terá pra abraçar aquele amigo, falar com a sua mãe, beijar seu amor, ler um livro pros seus filhos, tomar chá com a seus ascendentes. O nosso lado prático de sobrevivência já nos obriga a fazermos mil coisas burocráticas cotidianamente (como trabalhar, dirigir, dormir), não gaste o restante do seu tempo com "nada" de especial, esperando pelo "momento certo". Porque a vida está acontecendo ao seu lado, agora! Torne-a especial!!!

Porque você nunca sabe quantas outras oportunidades você vai ter de apreciar o que está aí, pertinho de você!

9 comentários:

Debby disse...

Nossa Mirys....
Mulher tu deveria escrever um livro..

Amei esse texto seu.
Lindo.
Adorei mesmo
Bjs
Debby :)

Thais Markevich disse...

A-do-rei seu texto, como sempre!!!Bjssssss

Dani Brito disse...

Precisava mesmo ler isso.
Vc me fez um bem danado.

Beijo

Nana disse...

Ai ai ai....e quando a vida te surpreende com notícias tristes como a de hoje, você realmente percebe a importância do valor do cotidiano e do lugar-comum que, nesse momentos dificeis, não tão banais assim.
Força aí e q Deus abencoe a cada um que está passando por essa dor.

Ana Virgínia disse...

Mirys.

Que texto lindo.

Penso exatamente assim.
Também me policio para não cair nessa rotina de esperar por dias e momentos especiais, pensando que a felicidade estará me esperando nestes momentos...


Abraço.

Ana Virgínia
filhadejose.blogspot.com

Bina disse...

Você é perfeita para expresar o maravilhoso dessa vida!!!
Bjssss

Fer Fritoli disse...

Mirys pelo tom acho que você deve ter passado por algo difícil, mas de qualquer maneira torço para que fique tudo bem.
Aprendi mais um pouco com você.

Beijos

Fer Fritoli
http://firulissesetc.blogspot.com.br/

Anônimo disse...

Falou tudo Miriane!
Me esforço, mas nem sempre consigo.Beijos
Silvia

Patty disse...

Vc é mesmo perfeita com as palavras Mirys. Me fez refletir em qts vezes eu estive perto de viver apenas os 52 sabados e 52 domingos no ano. Obrigada e força pra ti!!