domingo, 12 de outubro de 2008

SURPRESA para o papai e a mamãe (Diário do Guigo)


Ufa!

Que sufoco!!!

Achei que a gente nunca fosse conseguir surpreender a mãma (que vive fazendo festas surpresas para todo mundo e, por isso mesmo, já é expert).... Mas, ela e o papa estão trabalhando taaaaaannntooooo que nem se deram conta da surpresa que nós fizemos para eles.

Há 10 anos atrás, a mãma morava em Paris (não falem muito sobre o assunto porque ela chora!) e o papa foi para lá, encontrar com ela. Eles já não se encontravam há meses... A saudade era IMENSA, mas a mãma estava adorando morar por lá e queria convencer o papa a ficar também, fazer mestrado, sei lá. Mas o papa foi mais esperto...

Ele chegou no aeroporto e... passou pela portinha do desembarque. Todo mundo que já foi para o aeroporto sabe que existe uma porta, tipo de banco, que abre quando você chega perto, que separa as pessoas que estão esperando daquelas que estão desembarcando. Só que a porta do aeroporto é fosca, não dá para ver quem vem vindo. Então, quem está esperando fica assim mesmo, mega ansioso, esperando pela próxima abertura "é agora??" "ah... não..." "é agora???" "ainda não...", até que a porta abra e você veja quem quer ver. Para ajudar, ainda existe uma barra de ferro, que dá um espaço de uns 3m de largura por uns 5m de comprimento, que é para quem desembarca ter espaço para passar com aqueles carrinhos cheios de mala, com liberdade de movimentos.

Mas... a mãma estava com tanta saudade do papa que não respeitou nadinha de nada a tal barra (pela porta era impossível entrar... só é possível sair), pulou a danadinha e foi abraçar o papa no meio do espaço para as pessoas sairem com os carrinhos. Começou a formar aquela fiiiillaaaaaa atrás deles, de pessoas emburradas, querendo sair. Daí... tcharam! Meu pai deu uma tacada de mestre: antes que a mãma falasse qualquer coisa (antes que ele mesmo falasse qualquer coisa como "oi", "tô com saudades", "tudo bem?"), ele ajoelhou no chão (ali mesmo!!! No meio da passagem dos carrinhos!!!) sacou uma caixinha do bolso e pediu a mãma em casamento. Os rostos das pessoas atrás deles (super emburradas, antes) já começou a mudar. Mas... eles estavam falando em português, no meio do aeroporto francês! Então, ninguém "entendeu" quando a mãma falou " eu quero", mas todos entenderam quando o papa levantou e eles se abraçaram. Não dizem que o amor é uma linguagem universal???

De lá para cá, já se foram 10 anos!!!

Mas, no dia 10.10.08, sexta-feira "braba", papa e mãma trabalhavam como loucos! Escritório, aulas na Barra Bonita, alunos que não saíam da nossa casa (pois era o último dia das monografias e a mãma é orientadora de um monte de gente...). Ás 23hs da noite, o papa definitivamente não queria sair "com a galera" para comemorar. Não queria nem passar na vovó para nos ver, com medo de que o pessoal inventasse algum programa de grupo.

A tia Lilla teve que apelar, ligar para ele, e "contar um pedaço" da surpresa: falou que tinha uma pizzada, na casa da vó Mirtes (onde a gente estava), e que eles precisavam ir para lá. Teve até que falar que a própria vovó Dina estava lá, para conseguir convencê-lo. E lá foram eles (com o papa emburrado com a tal da "pizzada", afinal, onde já se viu comemorar 10 anos de casado com uma pizzada??? Ele queria ir com a mãma para Paris... mas não deu...).

Quando chegaram, a mãma estava tão preocupada em não estragar a noite do papa de vez, em tentar animá-lo, que nem percebeu que tinham alguns 8 carros na frente da casa da vó Mirtes. Mas, poderiam ser carros dos vizinhos...

Quando eles entraram: SURPRESA!!!!!!! Vovó Mirtes e trupe, auxiliados por todos da família, tinham preparado uma festa (mesmo!!! jantar!!! super chique!!!) para os dois pombinhos, com direito a Torre Eifel, fotos de Paris nas caixinhas de lembrança, e tudo o mais! Por ser muito tarde, num dia ainda de semana, foram convidados só a família e os padrinhos (de casamento, das crianças, da família), mas já deu um montão de gente!

A mãma chegou de calça jeans e cabelo molhado (sem chapinha!!!! Imagine que ela iria num jantar super chique sem chapinha!!!), mas depois da surpresa, ela colocou um vestido lindo que a vó Mirtes deu (ela é tudo, não é??? Pensa em cada detalhe...) de presente de aniversário.

A tia Yaya, linda, além de ter feito todo o "cantinho romântico", com Torre Eifel e tudo, ainda mandou várias fotos para a mamãe (acima compartilhamos uma). Então, escrevemos esse diarinho...

Bjos e saudades IMENSAS de todos!!!

Guigo + Nina + mãma + papa + Caramelo + "Seleia" (nova mascote da Nina)

2 comentários:

Mirys + Guigo + Nina disse...

Já te disse que eu te amo, hoje?

Anita disse...

Professoraaa...eu era uma das alunas de monografia deste dia...aiii tadinha querendo comemorar e nos lá.
Vc é uma heroina mesmo, tenho saudades. Um enorme beijo.

P.S: Já viciei no seu blog =p